Thursday, June 10, 2010

O Demóstenes de Boliqueima

O Demóstenes de Boliqueime celebrou em Faro - embora não na rua do Crime, como se esperaria - o dia 10 de Junho. A ali fez eco dos lugares comuns do costume. "Unidade". Nada de "quezílias ideológicas" (e ele chama a isso qualquer reflexão ou debate propriamente dito, bem entendido). Também não gosta de "querelas partidárias". Largou-se a soletrar na "situação insustentável". (A articulação é-lhe difícil). Acrescentou, quanto à "situação insustentável" que já tinha dito e que o dissera "na devida altura". Sempre as fórmulas merdosas das minutas merdosas mas devidas à ialma de funcionário administrativo (que, de resto, ele nunca foi). O ligeiro problema nisto é que ele é parte integrante da situação insustentável. Isso nós também já tínhamos dito, e "na devida altura", como ele gosta de dizer (muito embora se devesse perguntar-lhe que instituto é esse de uma "altura" que se deve. Não obstante, está preocupado. Ainda bem. Esperemos que fique mais. Continua com aqueles esgares de quem sente uma dor nos maxilares em cada palavra que lhe sai. Haja esperança. A ruína é certa. Havemos de poder ajustar contas.

No comments:

FIND MADDIE!

Loading...