Friday, January 28, 2011

AS NOVAS REVOLUÇÕES ÁRABES


Depois de ter perdido o controlo da América Latina, a política externa dos USA arrisca-se a perder qualquer simpatia na África do Norte e no Médio Oriente, onde apoiou sempre, como antes o havia feito contra as populações latino-americanas, regimes cuja decomposição construiu (com eficaz intervenção dos serviços de inteligência) afundando-os na corrupção e apoiando sem quebras os fragilizados por essa corrupção dando-lhes a eles a ilusão de força e guardando para si a estranha ideia de que só os USA teriam a chave capaz de usar a fragilidade construída. Não previram estes serviços de inteligência o desespero de um vendedor ambulante que se imolou pelo fogo, assediado pela polícia que aqui, na tugária, se conhece perfeitamente, porque a polícia tunisina, ou a polícia egípcia, são a polícia tuga, sem tirar nem pôr. São os mesmos focinhos, as mesmas práticas, as mesmas lógicas, a mesma desgraça e os mesmos desgraçados com a vaga vantagem dos magrebinos e árabes reconhecerem pelo menos a Ética positivada num Livro Sagrado (enquanto a besta tuga nada reconhece e chama espiritualidade à pedrastia papista). Ora as chamas que devoraram o corpo do pobre vendedor ambulante que entregou a vida a Deus, ameaçam agora todos os regimes tocados pelos serviços de inteligência norte americanos. Marrocos ainda não está atingido (o que não significa nada, por ora) e a Argélia (a frágil Argélia, a linda Argélia) ainda não recomposta da violenta crise recente, que foi objectivamente uma guerra civil (nem ganha, nem perdida) espera inquieta, sem nenhum espaço de manobra. Os USA não sabem ainda o que pensar e menos o que fazer. E está a registar-se uma contradição (fatal) entre a “direcção política” dos serviços de inteligência e a formação de vontade do Estado. O que diz a senhora Clinton não tem nada a ver com o que os americanos estão a fazer no terreno e é isto que marca, porque é isto que importa. Importa o que se faz e não o que se diz. Entretanto, as chamas chegaram ao Iémen.

No comments:

FIND MADDIE!

Loading...