Monday, August 8, 2011

UMA PÊGA COMO AS OUTRAS

O asqueroso Ratzinger juntou-se hoje ao coro dos “presstitutos”quanto à Líbia e à Síria. Pronunciou-se como o teria feito qualquer ministro otanasca. E isso não admira. Desde o execrando Montini que o chefe da igreja dos pederastas é o Director-Geral da CIA (sendo certo que nem a CIA simpatiza propriamente com a pederastia, pese embora quanto dizem os “mentideros” quanto às crises de gosto de Carlucci em Lisboa). Montini era um informador da CIA e nas suas antecâmaras nenhum director da agência teve alguma vez que esperar, ou fazer-se anunciar (entravam directamente). Estas coisas uma vez concedidas, não têm recuo possível. Razão tinha o KGB quando passava sumariamente pelas armas os pederastas papistas que o “rusicon” lhes ia introduzindo no território. Nós é que “não sabíamos da missa a metade” e ficávamos muito impressionados com os contos do vigário. Esses tempos felizmente passaram. Hoje sabemos o que aquilo é. E para que serve. Os “presstitutos” (otanascas e federastas, em regra, provavelmente cruzados se os mandarem ser) têm andado em febril actividade anti-síria, provavelmente porque a aliança otanasca conta com os “aliados árabes” para pagarem a respectiva campanha militar. Mas a multiplicação de frentes  faz inviável qualquer financiamento. Ahmadinejad concedeu uma entrevista magnífica à Euronews. O decano dos inimigos públicos nºs 1 dos USA apresenta-se como um homem tranquilo e ciente que os inimigos do Irão são indignos de qualquer consideração e apenas perigosos pelas anomalias psíquicas que visivelmente os habitam. Chavez não andará longe dessa opinião. Neste estranho contexto, a fada Hilária decidiu botar faladura anómala, reafirmando a intenção dos USA "liderarem o mundo para a superação dos mais complexos problemas da nossa época". Que estúpida, a fada Hilária. O botox da sexagenária já lhe está  a interferir com as sinapses cerebrais. Putin já lhes tinha dado uma sova há pouco tempo. E acrescentou um par de estalos: sublinhou que não teria sido possível maior arrogância nem maior grosseria que a da fada Hilária.  É verdade. Putin mantém este hábito velho - e às vezes enervante - de ter sempre razão em Política Internacional. De novo e em tudo, os “presstitutos” perderam qualquer credibilidade. Perderam qualquer qualquer utilidade como arma de guerra. Ratzinger também. E também ele é uma pêga. Mais cara que as outras, mas não mais do que uma pêga.    

No comments:

FIND MADDIE!

Loading...