Sunday, October 31, 2010

MARCHA CONTRA OS PEDERASTO-PAPISTAS

Cumpriu-se em Roma a marcha contra os pedrastas de Ratzinger e Voitila. Muito bem. Há que dar-lhes caça nos quatro cantos do mundo, mas sobretudo – viram bem os organizadores - junto da repugnante cidadela da colina vaticana à qual Mussolini outorgou o estatuto de Estado. Que mundo se funda sobre o imundo? Olhai a tugária repugnante em tudo no seu mais imundo papismo que em tudo a emporcalha. Nem Belzebu – deus das moscas - cheirará tanto a metano e a tugária estende esse cheiro de Tavira a Caminha. Há que dar-lhes caça. E não lhes dar descanso. Escrever-lhes nas paredes dos antros onde se acolhem as datas e os eventos em que são denunciados, o número de vítimas e o apelo à denúncia dos casos que existem neste território. É preciso que não voltem a sentir-se em paz. É preciso faze-los pagar. Sem indulgência. Até à insolvência. Depois deveríamos olhar para os actos que violam a neutralidade confessional do Estado tuga, como as missinhas oficiais do dia do exército, da abertura do ano judicial e as da “ordem dos advogados” porque são inquestionavelmente actos ostentatórios de protecção e promoção daquela organização clerical de pederastas. O mesmo é dizer que são actos de ostentação mafiosa.

No comments:

FIND MADDIE!

Loading...