Wednesday, May 18, 2011

SÍRIA REDUZ CAMPO À CONSPIRAÇÃO AMERICANA

A amnistia promulgada deu o resultado de mais de oito mil apresentações voluntárias às autoridades de gente que participara nas acções de desestabilização. Essas acções têm em regra participações reduzidas em número e portanto não andaremos longe do fim da viabilidade política da tentativa. O nucleo duro do "médio oriente alargado" não cede. Alguns jornalistas árabes foram afastados por recusa de participação na intoxicação desinformativa anti-síria. A contra-revolução segue a bom ritmo na Tunisia, no Egipto e no Iemén. Kadafy continua a resistir. Supõe-se que o "ocidente" deixará de poder contar com o dinheiro e o petróleo Líbios, depois da pilhagem de duzentos mil milhões de dólares dos fundos soberanos ingénuamente investidos no ocidente (e alvo de apropriação para que o ocidente se pague das armas e homens que fornece à guerra civil eternizada). Mas é pouco provável que "os rebeldes" aguentem muito mais, como é improvável que a China e a Rússia tolerem durante muito mais tempo esta cruenta barbaridade abusiva em tudo e fora de qualquer quadro de legalidade internacional. A mobilização do TPI é outra comédia. Nem a Líbia assinou o tratado. Nem vimos os judeus do último domingo a serem chamados ao banco dos réus... A instrumentalização da justiça deixará evidentemente tudo em crise. E já não sobra muito. Embora nesta crise as fontes alternativas de informação se tenham fortalecido e prestigiado muitíssimo. E também nisso os USA perderam. Mas que belíssimo (e dispendiosíssimo) chorrilho de asneiras... A fada Hilária devia ser posta na cela do Strauss Khan. Não?

No comments:

FIND MADDIE!

Loading...