Monday, September 5, 2011

DERROTA ELEITORAL DE MERKEL


Comunistas  com 18,4 %  e SPD acima dos 35%, coroam a derrota de Merkel nas eleições de Domingo. É um mistério que o SPD ainda consiga alguma credibilidade, assim como é um mistério que os “democratas cristãos” sobrevivam à presença de Merkel. Mas com mistérios ou sem mistérios, estes são os números e podem ser um indicativo importante para a compreensão da Europa Oriental, do peso das infinitas decepções que tem sido imposto aos respectivos povos a quem se prometeu – não foi? - que iam ser ricos e livres e a quem se oferece a perda de qualidade do sistema educativo como preliminar da indigência respectiva, outro tanto ocorrendo na saúde, sem nenhum progresso visível na habitação, com retrocessos infelizmente evidentes no direito à constituição de família e ao trabalho. É estranho que os comunistas só tenham esta escassa percentagem na Alemanha. 18,4% dá para assustar. Mas esperar-se-ia uma percentagem à medida do escândalo e do insulto à confiança ingénua de quem acreditou nas promessas de prosperidade e abdicou do que tinha a troco de nada. E nada é a notação a atribuir ao projecto político frustrado. Nada é o que vale o correspondente futuro.

No comments:

FIND MADDIE!

Loading...